Paróquia Santo Antonio
 

DESTAQUE

 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 

ACERVO

 

DESTAQUES

 

FOTOS EM DESTAQUE

 
“Natal - Época Atemporal !”.

 
Imagem

No mundo todo, o final do ano, mais especificamente na época do Natal, vemos sentimentos expressos em situações em que as pessoas ficam mais sensibilizadas com o próximo, com atitudes mais caridosas, mas será que isso é por sentimentalismo? Será que é por lembranças boas da infância junto de seus entes queridos que hoje já não estão mais presentes?

Talvez seja, mas talvez não seja. A busca infindável por Deus é datada dos primeiros tempos do ser humano na terra e não termina, então é justamente nesta época de Natal que o tempo e o espaço perde o seu inicio e o seu fim, porque foi quando Deus se fez homem, e Ele se fez homem de uma vez por todas então se tornou um momento “Atemporal”, é para todo sempre. Os sonhos dos primeiros seres humanos sobre Deus e dos atuais e dos futuros seres humanos de querer Deus se concretizou com o nascimento de Jesus.

Natal é muito mais do que um simples dia, na verdade é o dia dos dias, nenhum dia é igual ao dia do Natal, isso para os que viveram antes do nascimento de Jesus e para os que vivem hoje e os que viverão no futuro. Deus quis se fazer humano e o fez nascendo de uma mulher. O céu e a terra se fundem em Jesus.

Neste prisma podemos entender que tudo o que existiu, que existe e que existirá se converge para o dia do Nascimento (Natal) de Jesus tornando-o assim o
“Dia dos Dias”. Por isso todos os seres humanos ficam involuntariamente mais sensíveis nesta época.

O Jesus Menino nasce emanando amor contagiante que rasga o véu do tempo e do espaço, perpassando todos os corações, duros ou não, fazendo florir os ramos secos da grandiosa árvore que é Seu Corpo, por isso tantos sentimentos bons são apresentados nessa belíssima época.

Assim podemos aprofundar nossos pensamentos nesta meditação e sentir o quanto somos próximos do Menino Deus, e Ele está nos convidando a cada ano a prestarmos atenção nesta proximidade, dizendo “Ei, sou eu mesmo, essa criançinha, o que você continua esperando, estou aqui!”. Jesus já nasceu e é para todo o sempre. Se fizermos um gráfico, Jesus é o centro e nós, todos os seres humanos, de todos os tempos, somos setas apontando para o centro, por isso Jesus é emanador do magnetismo do amor. Tudo para Ele converge.

Vamos ser também emanadores do amor de Jesus, tecendo uma grande rede que possa abranger e irradiar mais e mais o amor e a caridade que é fruto do coração amoroso e generoso do Jesus Menino.


João Paulo Perez
Coord. Pascom Paroquial

Voltar
 
Página Principal

DESTAQUE

 

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações:
 

NOTÍCIAS

 

DESTAQUES

 

VÍDEO EM DESTAQUE