Paróquia Santo Antonio
 

DESTAQUE

 

PESQUISAR

Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 

ACERVO

 

DESTAQUES

 

FOTOS EM DESTAQUE

 
MENSAGEM DE NATAL DE DOM PEDRO CARLOS CIPOLINI

 
Imagem
MENSAGEM DE NATAL
DO BISPO DIOCESANO DOM PEDRO CARLOS CIPOLINI

“O povo que estava nas trevas viu uma grande luz”(Is 9,2)

A todos vocês meus queridos irmãos presbíteros, diáconos, religiosos e religiosas, seminaristas, leigos e leigas, engajados em tantos trabalhos pastorais, a todos os demais irmãos e irmãs de boa vontade que habitam nossa Diocese de Amparo. Dirijo-me a vocês para desejar um santo e Feliz Natal e um Ano Novo de paz!
O natal é para nós cristãos ocasião única de renovar nossa fé na encarnação do Filho de Deus. Comemoramos no natal, esta manifestação grandiosa do amor misericordioso de Deus: Ele veio até nós para nos elevar até Ele!
O mais comovente é que Ele veio na pobreza e simplicidade. Desde este início nos deu a grande lição, difícil para nós de ser assimilada. A lição que ele nos dá é que “sem a gramática da simplicidade nós não podemos nos aproximar e adentrar o mistério”, como disse o papa Francisco no Rio de Janeiro em seu encontro com os bispos brasileiros.
A palavra que a Igreja deve anunciar ao mundo é esta: Deus se fez carne a veio morar entre nós; Jesus, o Filho de Deus é semelhante a nós em tudo, menos no pecado: “Nele habita a plenitude da divindade” (Cl 2,9). E todos nós cristãos, atestamos e testemunhamos este amor misericordioso de Deus vivendo o evangelho.
Viver o evangelho é dar primazia à misericórdia como faz Deus no natal. Ele não perguntou se a humanidade era digna de recebê-lo. Ele veio primeiro na sua encarnação e depois ele ensinou o evangelho. A justiça humana julga o homem pelo seu passado amarrando-o a este passado, muitas vezes de faltas e pecados. A justiça de Deus, seu amor por nós, pelo contrário, dá um voto de confiança impelindo para o futuro e enchendo-nos de esperança.
Recebamos com muita gratidão o dom de Deus: o menino Jesus, adorado por Maria, José e os pastores na gruta de Belém. A grandeza desta cena ultrapassa toda nossa imaginação e nos puxa para dentro do mistério cósmico, da presença misteriosa de Deus em tudo.
Primeiro vem a adoração de José e Maria, contemplando o recém-nascido, depois vem o canto dos anjos anunciando o nascimento do menino Jesus. Que possamos também celebrar primeiro com amor a nossa fé, comemorando o aniversariante e depois comemorar com os parentes e amigos nas festas. Que estas comemorações possam ser inclusivas. Chame alguém que esteja só, ou que não tem como comemorar, e sua festa se enriquecerá com a presença do Senhor.
Faço votos que o Natal lhe dê muitas esperanças. O grande dom que o menino Jesus nos trás, o verdadeiro presente de natal é a esperança: “Ninguém pode viver sem esperança, os que perdem a esperança se tornam selvagens e malvados” (Dietrich Bonhoeffer).

Feliz e Santo Natal a todos! A todos minha benção em nome de Jesus:

+D. Pedro Carlos Cipolini
Bispo Diocesano de Amparo

Fonte: Diocese de Amparo
Voltar
 
Página Principal

DESTAQUE

 

CADASTRAR-SE

Cadastre seu e-mail para receber nossas atualizações:
 

NOTÍCIAS

 

DESTAQUES

 

VÍDEO EM DESTAQUE